4 Comments to “#167 – Quem roubou o Patolino?”

  1. Murilo

    fev 2nd, 2014

    Habemus Papotech!
    Obrigado

  2. José Cacio

    fev 3rd, 2014

    Quem bom é te los de volta!
    Já estava me sentindo meio órfão…:(

  3. Luiz Seigo

    fev 3rd, 2014

    Apple Mail / João Zicado / Windows Phone / Patolino não foi roubado, só se perdeu

    Boa tarde gurizada do PapoTech,
    Algumas questões que gostaria de comentar com vocês:

    Primeira: Sugestão de pauta. 
- Qual gerenciador de e-mail vocês utilizam em seus Macs, iPads, Smartphones e afins? 
No meu “causo”, por muito tempo utilizei o Outlook (PC) para organizar minha vida profissional e pessoal: Gerenciador de Email, Agenda e CRM.
As funções do Outlook me permitiam organizar minha vida de forma fácil (depois de aprender todos os macetes do Microsoft Outlook) para, por exemplo, enviar pedidos/confirmações de reuniões, integrar e interagir trabalhos sendo realizados nos outros programas do Office, marcar meus compromissos na Agenda do Outlook, personalizar de dezenas de formas o recebimento de emails, de convites, de reuniões, de alertas, e de montar um banco de dados simples dos meus contatos profissionais. 
No entanto, agora que estou 100% no mundo Apple estou tentando encontrar um programa do qual eu posso simular a mesma rotina organizacional que eu possuía com o Outlook. O Mail da Apple se mostrou totalmente ineficaz no quesito profissional e até mesmo pessoal, sem contar que na IOS 10 ele trava constantemente na hora de realizar multi-tarefas ou ações um pouco mais complexas. Enquanto que outros programas como o Thunderbird, além de ser uma dor de cabeça para configurar (tipo microsoft mas um pouco pior), também não fui capaz de reproduzir um nível semelhante de integração como no Outlook.

    Segunda: João tu és muito Zicado com teu S4. Evidentemente, para ser dono de um celular Samsung, ao contrario do iPhone, é preciso ter um pouco de sorte. Tenho muita pouca experiência em smartphones. Já passei muito, mas MUITO, tempo onde eu trabalhava até recentemente configurando os smartphones do meu chefe, da esposa dele, dos colegas de trabalho e o meu também (são eles blackberry’s, andróides, ios’ e coisas piores). Tive problemas com todos e todos os problemas foram sanados, de um jeito o de outro (como fazendo um overclocking até pifar de vez e acionar a garantia para trocar). Algumas vezes era problema de Bios outras má sorte. Claro que no teu caso é má sorte. Mas isso não é motivo para desanimar muito. O problema é que o senhor está mal acostumado. Tanto tempo com iPhone’s causa isso. Eu, por exemplo, me considero muito sortudo. Tenho um Samsung Note 1 que irá completar 2 anos em abril e está funcionando perfeitamente, na medida do possível. Vale ressaltar que o hardware está ficando defasado e que já tive que trocar a bateria, mas ele continua firme e forte, + -, mas consigo trabalhar com ele, que é o que importa.

    Terceira: Windows Phone e as estratégias de Marketing da Microsoft.
Esse OS é muito bom, principalmente com gente velha ou burra inexperiente. Infelizmente o marketing da microsoft é Muito ruim (assunto que também daria uma boa pauta). Desde o ultimo ano venho realizando alguns experimentos em relação aos melhores smartphones para velhos. Fiz dos meus tios (todos aposentados) minhas cobaias e coloquei na mão de cada um deles um Windows Phone e dois andróides. Não utilizei o iOS em meus teste porque o custo beneficio não compensa a compra de um iphone. Os resultados são muito claros, no WP a interação flui de forma mais rápida e precisa, principalmente para pessoas mais impacientes. Simples, pratico, de fácil acesso. Ja o android, com todas as suas telas e personalizações, que são muito úteis para mim, se tornaram um tormento na cabeça das minhas tias que estavam sempre excluindo ícones, mudando de lugar, criando paginas, trocando a ordem… são muitas opções para pessoas com pouco conhecimento tecnológico. Por outro lado a personalização é de grande agrado: colocar a foto do cachorrinho de papel de parede, slide show das fotos, câmera em um click… mas os problemas continuam mesmo após alguns meses com o aparelho. 
Minha escolha: Windows Phone. Atende a todas as necessidades – dos meus tios – e com muito menos dor de cabeça que o android. O preço do Windows Nokia são muito próximos dos Android Motorola. Mas a falta de alguns aplicativos, como o dropbox (para transferir as fotos), ou de aplicativos que não funcionam muito bem, como o Skype (inacreditável), podem dificultar um pouco a decisão de compra.

    Quarta: Cuidado antes de acusar alguém!
Ficar acusando de roubo algo que não é visto a tanto tempo, que muito provavelmente está perdido em algum outro lugar, é coisa de Velho. Muito cuidado! Estudos apontam que após certa idade o ser humano se torna cada vez mais suscetível à preguiça e isso inclui a diminuição do senso critico e de raciocínio para solucionar problemas cotidianos tais como buscar algo que deveria estar em determinado lugar mas não estava. Como consequência desta falta de determinação em solucionar ou simplesmente se engajar na busca pela resposta, o ser humano determina que a resposta mais lógica é aquela que irá lhe trazer menor esforço. Por consequência estipular que algo foi roubado e desta forma sanando toda e qualquer ação que possa levar a um desgaste físico ou mental, por mínimo que seja, torna-se um modelo de resposta “default”. Ação que tende a se agravar com o tempo.
Por isso caro João, eu espero e acredito que este não é o caso, mas mesmo parecendo pedante da minha parte achei importante dividir esta informação.

    Um grande abraço Gurizada Tech,
E continuem por muitos anos fazendo deste meu podcast favorito de tecnologia.
    Luiz Seigo

  4. InCulTo

    fev 19th, 2014

    João, ainda não terminei de ouvir os episódios, mas em relação ao seu S4 e a plataforma android de modo geral, concordo com as suas opiniões.
    só não concordo que o Iphone é a solução. Tanto o 4S como o 5S ou 5C custam muito caro em relação ao hardware que oferecem.
    Gostei de uma ROM android feita por uma empresa Chinesa, a MIUI. Roda no seu S4, e oferece uma experiência muito mais “redonda” que a interface nativa do S4. No meu caso, gostei tanto da MIUI que importei um telefone fabricado por essa mesma empresa, um Xiaomi Mi2S.
    Um dos motivos que me fizeram optar por essa versão do android é o fato de que toda sexta-feira tem uma atualização do S.O.
    Os chineses mantêm um fórum, e com base no feedback dos usuários fazem constantes modificações no sistema.
    Se quiser saber mais tem aqui: http://en.miui.com/


Leave a Reply